Cuidados com a Piscina

Para garantir que a bomba continue funcionando de forma adequada, é preciso se atentar a alguns cuidados com sua manutenção. O ideal é que a cada 6 meses seja feita uma revisão técnica do equipamento. Algumas dicas podem te ajudar a manter o funcionamento da bomba sempre em dia:

  • Ruídos estranhos ou vazamentos podem ser indícios de que a bomba está muito desgastada. Nesse caso, procure um técnico;
  • Se você notar que a bomba está com uma temperatura elevada, desligue imediatamente o equipamento;
  • Verifique regularmente os elementos de vedação da bomba;
  • A bomba não deve operar sem água, isso pode danificar e prejudicar o seu funcionamento;
  • Atente-se à vazão da bomba, que deve corresponder às necessidades do sistema de filtragem de cada piscina.

As bombas vendidas pela Life Piscinas possuem um motor com design compacto, apresentando menos ruído e mais resistência à corrosão. O modelo autoescorvante, construído em material termoplástico, possibilita uma vazão maior e mais segurança ao seu funcionamento.

“As bombas, os rolamentos, as juntas e elementos de vedação devem ser verificados periodicamente. Barulhos estranhos e vazamentos geralmente são sinais de desgaste. Sempre que a bomba for acionada, deve-se observar seu funcionamento para verificar alterações.”

O que uma piscina precisa para funcionar?

Para entender a função de uma bomba, antes é preciso entender como uma piscina funciona. Vamos começar listando os itens necessários para compor uma piscina tradicional:

  • Tanque: também chamado de reservatório da piscina, pode ser feito de fibra, vinil ou alvenaria.
  • Skimmer: tem como função recolher folhas, gordura e sujeiras antes que caiam no fundo da piscina. Por isso, fica localizado num ponto mais superficial.
  • Ralo de fundo: responsável por sugar água e sujeiras já depositadas nas partes mais profundas da piscina.
  • Dispositivos de retorno: depois de realizado o processo de filtragem, a água é devolvida limpa para o tanque através dos bocais de retorno.
  • Tubulações: skimmer, ralo de fundo e retorno são tipos de tubulações, cada uma cumprindo uma função. Basicamente, são os canais por onde a água passa durante o processo de filtração.
  • Filtro e pré-filtro: toda a água recolhida irá passar pelo pré-filtro e filtro para ser tratada. As partículas de sujeiras ficaram retidas ali e a água volta filtrada para a piscina. No mercado, existem filtros de areia e de pano.
Como escolher uma bomba para piscina?

Peça um orçamento aqui na Life Piscinas onde você terá toda assessoria necessária para compra da sua bomba!

Escolher a bomba para piscina não é lá uma tarefa muito fácil, já que precisa que todos os requisitos sejam atendidos para se tornar uma boa aquisição. Os pontos a serem considerados são:

  • Volume da sua piscina
    A função da bomba para piscina é fazer com que toda água circule, com o intervalo máximo de 10 horas. Para isso ela deve dar conta do volume de água que consta em sua piscina.
    Normalmente a taxa de vazão por litros de uma bomba está em seu manual de instruções. Se não for seu caso, é possível descobrir a vazão entrando em contato com o fabricante ou pesquisando seu modelo da bomba para piscina na internet.
    Já para descobrir o número de vazão ideal para a sua piscina, é possível chegar a esse número através da seguinte contabilização:
    Volume da água ÷ 10 horas ÷ 60 minutos = taxa de vazão em litros por minuto da bomba.
  • Capacidade do seu encanamento
    Se os canos não permitem o fluxo adequado de água isso também afetará a sua bomba para a piscina. O correto a se fazer é escolher uma bomba para piscina com a mesma capacidade do seu encanamento. Isso é: nem acima nem abaixo. Dessa forma, a bomba para piscina não estará sobrecarregada nem ociosa.
    Para averiguar esse tipo de critério, basta certificar-se se o diâmetro dos canos possui uma sucção compatível com a sua bomba para piscina.
  • Vazão do filtro
    Assim como a vazão da bomba importa, a do filtro também. Principalmente devido aos filtros serem fabricados com uma vazão já determinada. Dessa forma, a bomba para a piscina, deve se adequar ao filtro.
    Explicando de outra forma, a água que passa pela bomba entra em contato com o filtro. Se a bomba possui uma vazão diferente do filtro, a água pode não ser filtrada corretamente.

No momento de adquirir a bomba é possível que algumas dúvidas apareçam. Muitos consumidores querem saber, por exemplo, se uma única bomba d’água consegue transferir água de uma caixa para todos os andares de um prédio. Sim, é possível. Mas, para adquirir o produto certo, é preciso ter informações importantes como a altura que a água deve alcançar e quantos pontos de saída de água. Com esses dados, um especialista consegue dimensionar a potência correta da bomba.

Muitas pessoas também questionam se há no mercado uma bomba capaz de limpar fossas domésticas, ou seja, retirar o resíduo do local. Existem produtos que realizam esse trabalho, sim, nos contate para uma consultoria especializada no assunto.

Para você que ainda tem dúvida se é possível substituir os diferentes tipos de bomba, saiba que todos os produtos podem ser trocados. Faça essa mudança quando a bomba que está instalada apresentar defeito e o valor do conserto não apresentar um bom custo X benefício. E não se esqueça da manutenção e da limpeza da peça. A frequência para realizar a revisão depende do uso dos equipamentos. Ligue para a Life Piscinas que ela te ajudara a cuidar desse procedimento.

2019-11-06T14:59:35+00:00
WhatsApp chat